Sem categoria

Museu Vivo junino terá Banda Cultural, paçoca e bandeirinhas

Avelino Israel


Fundação Cultural Cassiano Ricardo

Mais uma vez, o clima de festa junina vai tomar conta do Museu do Folclore de São José dos Campos, em uma nova edição do Museu Vivo. Estarão reunidos, neste domingo (9), a Banda Cultural (música junina), o casal Ronnie Evers Silva e Evelin Elena Ribeiro Silva (paçoca) e o arte-educador Fábio Camargo (bandeirinhas).

As edições do Museu Vivo de junho estão voltadas para os festejos juninos, com destaque para as músicas tradicionais, a culinária típica e o artesanato todo próprio desta época do ano. A vivência é aberta ao público e ocorre das 14h às 17h, na área externa do museu.

Música

Moraizitto (à direita, sentado)| Foto: Divulgação

A música será compartilhada pelo acordeon do mineiro José Maria de Moura, o Moraizitto, 68 anos, que estará no comando da Banda Cultural, formada com os amigos Leidivaldo Pereira do Nascimento (Nascimento da Bahia), Manoel Agostinho dos Santos (Manuelzinho do Pandeiro) e José Almir de Lima (Conterrâneo).

Moraizitto é músico autodidata e aos 14 anos de idade, por interesse e curiosidade, aprendeu a tocar sanfona sozinho. Em São José teve oportunidade se apresentar com o músico Kardec Gonzaga, por quem tem grande gratidão, além de guardar boas lembranças e histórias.

Atualmente, Moraizitto é organizador dos músicos no projeto Terças Sertanejas, na Casa de Cultura Eugênia da Silva, da Fundação Cultural Cassiano Ricardo. Para esta edição do Museu Vivo, ele vai executar um repertório exclusivo com as melhores músicas dos festejos juninos.

Culinária

O casal Ronnie e Evelin | Foto: Divulgação

A receita deste domingo será de uma paçoca, feita pelo casal Ronnie Evers Silva, 42 anos, e Evelin Elena Ribeiro Silva, 41 anos. Natural de Cachoeira Paulista, Ronnie conta que aprendeu a fazer a receita com a tia da sua esposa, a tia Cida, hoje com 79 anos.

“Desde criança eu como paçoca, mas nada se compara à que a tia Cida fazia. Hoje, devido à sua idade, já não consegue mais usar o pilão para continuar produzindo a iguaria. Então, para manter vivo este saber, aprendi a fazer a sua receita, adicionando um pouco o meu jeito”, diz Ronnie.

Artesanato

Fábio Camargo faz bandeirinhas | Foto: Divulgação

Fábio Camargo, 47 anos, é natural de Guarulhos, e neste Museu Vivo vai fazer bandeirinhas juninas, uma tradição marcante em toda festa desta época. Além de arte-educador desde 2002, Fábio também é músico, compositor, cantor e ator.

Já integrou vários grupos e projetos culturais, fez parte de equipes de oficineiros culturais da Prefeitura e atua, atualmente, como orientador na Fundação Cultural Cassiano Ricardo.

Gestão

O Museu do Folclore é um espaço da Fundação Cultural Cassiano Ricardo, localizado no Parque da Cidade desde 1997. Sua gestão é feita pelo CECP (Centro de Estudos da Cultura Popular), organização da sociedade civil sem fins lucrativos.

 


MAIS NOTÍCIAS

Fundação Cultural Cassiano Ricardo