Série C: Lateral do Vitória diz que time está focado na fuga do rebaixamento


Série C: Lateral do Vitória diz que time está focado na fuga do rebaixamento

Alemão acredita que a equipe rubro-negra precisa conseguir vencer para poder sonhar com classificação

Categorias: Futebol Brasil

Por: Agência Futebol Interior, 30/06/2022

Alemão durante treino do Vitória. (Foto: Victor Ferreira/Vitória)

Salvador, BA, 30 (AFI) – O Vitória não faz uma boa campanha na Série C. O time baiano é o 16° colocado na tabela com 12 pontos e tem 51,6% de chance de ser rebaixado. O lateral-direito Alemão disse que o time já não pensa mais no acesso para a Série B e o foco é fugir do Z-4.

“O momento é muito difícil. A gente sabe que é um momento delicado. Estamos beirando a zona de rebaixamento, mas ainda há chances. Enquanto há chances, a gente vai lutar até o fim. Mas a gente sabe que o nosso primeiro passo é se distanciar ao máximo da zona de rebaixamento. Se a gente conseguir essa sequência de vitórias, a gente começa a almejar uma classificação. Mas hoje a gente está mais pensando mesmo em fugir da zona do rebaixamento”, disse ele.

PRÓXIMO DESAFIO DO VITÓRIA

Neste sábado, às 19h, o rubro-negro enfrenta o Figueirense no Barradão. Sem vencer há quatro jogos, Alemão acha justa a cobrança.

“A torcida está magoada, má fase. Até meu pai, meus irmãos, me cobram. Como vai ter confiança, apoiar, se só tem derrota? Futebol só tem espaço para vitoriosos. A gente tem que ser cirúrgico nos jogos. Tem que ser mais sólido ali atrás para não errar. E começar a mudar a maneira de jogar. infelizmente, o quadro não é bom. A gente tem que ser cirúrgico lá na frente e não tomar gol, para que, com 1 a 0, a gente consiga fazer os pontos e, consequentemente, a torcida vai voltar a confiar na gente”, afirmou.

Alemão durante treino do Vitória. (Foto: Victor Ferreira/Vitória)

AINDA HÁ CHANCES

Mesmo sendo uma tarefa difícil, o Vitória pode chegar à zona de classificação para a próxima fase, mas precisa engatar uma sequência de triunfos contra adversários que fazem boa campanha.

“A gente tem que ser mais cirúrgico na frente. A Série C não tem espaço para desperdiçar tantas chances. É um erro que a gente vem cometendo muito. E minimizar o máximo de erro lá atrás, para que a gente não sofra gols. Cada 1 a 0 hoje é importante, traz os mesmos três pontos de qualquer goleada. Então a gente precisa ser mais cirúrgico, pensar mais o jogo e errar menos. Uma oportunidade lá na frente, e os atacantes vão fazer. E a gente vai conseguir mudar esse quadro. A gente tem que pensar jogo a jogo. Nosso primeiro jogo em casa, agora, contra o Figueirense, a gente já tem que vencer. Depois, pensar nos subsequentes”, disse Alemão.

VALE MUITO

O resultado contra o Figueirense é fundamental para o rubro-negro baiano. Caso perca, pode entrar no Z-4, mas caso vença, se aproxima do G-8.

“A gente vem falando que todos os jogos são finais, dentro do vestiário. Esse é o divisor de águas mesmo. Temos consciência de que é o jogo da vida. Um tropeço aqui em casa, e a gente vai brigar até o fim para não cair. Isso que ninguém quer. A gente tem que realmente encarar o jogo como se fosse o último da nossa vida e dar o máximo, se entregar, para que o resultado possa vir. E ser, mais uma vez, cirúrgico; na oportunidade que a gente tiver, tem que matar. A gente se doar lá atrás, na linha defensiva, para que o adversário não possa positivar com gol. A torcida sempre é importante. Faço um pedido para que eles continuem nos apoiando, porque a gente vai dar o máximo para reverter. Nem o Vitória nem o torcedor nem os jogadores, porque trabalhamos muito, ninguém merece isso”, afirmou o lateral.

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *